Arquivo mensal: setembro 2013

Sneak Peek

lavanda

Campo de lavandas lindas e cheirosas pra começar o final de semana.

freddo

Uma das minhas indulgências preferidas: sorvete argentino 😉

pordosol

Pôr-do-sol em Punta del Este.

medalha

Uma das minhas maiores vitórias do ano. Minha primeira maratona internacional e primeira de 10km!

Etiquetado

Na Estante – Meus livros de gastronomia favoritos do momento

1

panelinha

Panelinha: receitas que funcionam, Rita Lobo

Eu acompanho o site Panelinha há pelo menos uns 7 anos e esse ano ele tá completando 10. Dia desses a Rita Lobo anunciou que estavam procurando pessoas para trabalhar no site só testando receitas. Por muito…mas muito pouco não larguei toda a minha vida pra me mandar pra SP 😉 O livro é um compilado de tudo que a Rita ensinou no site. O bacana é que ele é cheio de dicas, como, por exemplo, todos os tempos de cozimento de um ovo (como faz pra ter um ovo com clara dura e gema mole?) além de clássicos revisitados com esses ingredientes como a cocote. Saladas, sopas, risotos, sobremesas e muito mais. Já tenho o livro há uns 3 anos, mas ele segue sendo muito usado diariamente pra consultas.

segunda

Segunda sem Carne, Paul, Stella e Mary Mc Cartney

O movimento Meat Free Monday está crescendo muito pelo mundo. Tem alguns restaurantes aqui de POA que já aderiram e nas segundas oferecem opções de pratos vegetarianos. A proposta é bem razoável: ficar 1 dia da semana sem comer carne e com isso atenuar as mudanças climáticas ocasionadas pela criação de animais de corte. Nutricionalmente falando não precisamos comer carne todo o santo dia e muitas vezes não paramos para pensar nisso. Existe uma infinidade de combinações e pratos deliciosos sem nenhuma carne. O livro “Segunda sem carne” vem mostrar que é possível montar um cardápio de um dia inteirinho mega delícia e sem ingestão de proteína animal. É organizado por uma nutricionista (Annie Rigg), mas conta com o prefácio da Família Mc Cartney, super defensora do vegetarianismo. É tudo organizado por dia e estações do ano. Receitas desde o café da manhã, até a ceia. Tem sobremesa e até dicas de almoço rápido que eles chamam de “almoço para viagem”. As receitas são dicas de várias personalidades que aderiram a campanha , além dos pratos favoritos do Paul, da Stella e da Mary Mc Cartney.

jamie

Jamie Viaja, Jamie Oliver

Ai gente, eu tipo AMO o Jamie Oliver, ok? Uma paixão assim, sem precedentes! Esse é o melhor livro dele, na minha opinião (que me desculpem os que amam os 30 e 15 minutos. Também gosto, mas não superam esse). Nesse livro o Jamie mostra a versão dele dos pratos mais clássicos de várias regiões que eu amo. Itália, Suécia, Marrocos, Grécia, Espanha e França. As fotos são incríveis como todas dos livros dele e dá vontade de comer tudo! Já tenho pelo menos umas 5 receitas que tão super na lista pro blog J E o melhor: comprei com 50% de desconto!

nigella

Na Cozinha com Nigella, Nigella Lawson

Não preciso nem dizer que a Nigella é a musa master na cozinha de 9 entre 10 mulheres, né? Ela é uma mulher que gosta de comer (coisa rara hoje em dia) e eu mega me identifico! Nigella não é uma chef, ela é uma cozinheira de mão cheia, adora atalhos e tudo que simplifique a sua cozinha. Talvez o que eu mais goste nela é esse ar de casa, de quem faz almoços de domingo pra família, de uma mama italiana que ama os seus, através da cozinha, apesar de ser inglesa (falando nisso, ela tá com uma programa sensacional de cozinha italiana, chamado Nigelíssima, no GNT).

Mas falando um pouquinho do livro, esse é o mais recente lançado e Nigella veio especialmente ao Brasil para promove-lo. É a tradução do original “Nigella Kitchen: Recipes from the heart of the home”. Enorme com mais de 500 páginas e cheio de fotos lindas. O livro te responde em receitas algumas dúvidas clássicas do dia a dia: o que fazer de janta para filhos pequenos? Como fazer um almoço rápido no meio da semana? Como improvisar um petisco para os amigos em minutos? Cheio de toques pessoais e histórias de família da Nigella, as receitas ficam super gostosas de ler e de fazer.

ducasse

Natural Sobremesas: Simples, Saudável e Saboroso, Alain Ducasse

Minha mais recente aquisição, da lenda da cozinha contemporânea, Alain Ducasse. Esse livro foi feito em parceria com uma nutricionista e todos os doces tem redução de açúcar e gordura, sem perder a graça e o sabor. Além de nos relembrar que fruta sim pode se transformar em uma sobremesa deliciosa e nada sem graça.

Etiquetado , , , , , , , , , , , , , ,

Panqueca de ricota com blueberry

montagem

Começar o dia com panquecas deixa tudo mais leve e melhor!

Parece um banquete complicado, mas é muito fácil de fazer e impressiona quem a gente ama. Essa panqueca leva ricota na massa e fica com um leve sabor mais salgadinho. Para acompanhar eu usei uma redução de blueberry (ou mirtilo) que eu mesma fiz, mas podem ser servidas também com mel, geléias ou maple syrup. Também fica ótimo com frutas picadinhas por cima.

A receita é da musa NIGELLA 🙂

3

Ingredientes

– 125g de ricota
– 65ml de leite semidesnatado
– 1 ovo grande (separar a gema da clara)
– 50g de farinha de trigo
– 1/2 colher (chá) de fermento em pó
– 1 pitada de sal

Em um bowl, coloque a ricota, o leite e a gema. Mexa levemente e incorpore a farinha, o fermento e o sal, misturando delicadamente para obter uma massa lisa. Em outro bowl, bata a clara até ficar fofinha (bati à mão com fuê). Quando terminar, misture as claras ao outro bowl. Se for usar uma frigideira comum, unte com um pouco óleo vegetal. Se for uma frigideira antiaderente não precisa untar.  Despeje a massa com uma concha de feijão. Deixe por 30 segundos e, em seguida, do outro lado pelo mesmo tempo.

2

1

Etiquetado , , ,

Manhãs lentas

1

Eu adoro acordar e começar o dia no meu tempo. Não o do relógio e sim o meu tempo interno. Descobri isso depois que fui morar sozinha. Porque quando a gente mora sozinho o tempo e a casa é sempre só nosso. Posso decidir o que fazer e quando fazer do meu jeito. Quer mais luxo do que isso? Acho que minha vida melhorou muito depois que eu comecei a respeitar mais esse tempo.

É nas manhãs que eu coloco meus pensamentos em ordem, leio pedaços dos meus livros, revistas, busco inspiração pra minha vida e pro blog, brinco com a petit, tomo café ou chá, cuido das minhas plantas e da minha casa. Nunca tem uma ordem ou uma to do list, mas é sempre em casa, com música ou no silêncio. O importante é não ser interrompida, por isso desligo o celular e também não costumo ter nada de eletrônico ligado (laptops, telefones, tvs), só música se eu estiver no clima.

Se tu nunca tentou, te convido a experimentar. Não precisa ser de manhã, tu pode escolher o horário que achar melhor  (eu sou super diurna e amo manhãs).  E mesmo quem não mora sozinho e não tem o tempo só para si, deveria se permitir uma indulgência dessas de vez em quando. Claro que não são todas as manhãs que eu consigo fazer do meu jeito. Mas tento separar pelo menos 1 manhã a cada 15 dias ou 1 por mês. Tenta. Tenho certeza que tu vai ter menos dores de cabeça, dores nas costas e vincos na testa 🙂

Etiquetado ,

Fajitas

6

Fajitas são extremamente fáceis de fazer e ótimas pra um jantar com os amigos. Prato clássico da cozinha mexicana, normalmente são servidas com tortillas de milho ou trigo. Podem ser feitas com carne de gado e porco também, mas resolvi fazer com carne de frango.

Ingredientes para as fajitas

– 1 colher (sopa) de molho inglês

– 1 colher (sopa) de vinagre de maçã

– 1 colher (sopa) de molho de soja

– 1 colher (chá) de pimenta chili em pó

– 1 dente de alho, picado ou amassado

– 1 pitada molho de pimenta (usei tabasco)

– 2 peitos de frango (cortado em tiras)

– 1 colher (sopa) de óleo vegetal

– 1 cebola fatiada

– 1/3 pimentão verde (fatiado em tiras)

– 1/3 pimentão vermelho (fatiado em tiras)

– 1/3 pimentão amarelo (fatiado em tiras)

– Suco de 1/2 limão

Em um bowl, faça a marinada do frango. Misture o molho inglês, o vinagre, o molho de soja, o chilli, o alho e a pimenta. Mergulhe o frango já fatiado na marinada e deixe por 30 minutos.

Enquanto isso, corte a cebola e os pimentões em tiras.

Prepare uma panela wok ou frigideira grande antiaderente. Coloque o óleo e refogue o frango. Deixe refogando por uns 2 minutos e acrescente a cebola. Refogue por mais 2 minutos e acrescente os pimentões. Quando estiverem cozinha, mas ainda crocantes, desligue o fogo e esprema o suco de meio limão.

Para acompanhar:

– Rap 10 (usei da marca Pullman)

Coloque a massa em uma frigideira antiaderente. Sele um lado e depois o outro. Deixe em uma tábua de madeira para cada um se servir.

1

2

3

4

5

7

8

Etiquetado , , , ,